sexta-feira, 28 de junho de 2013

Arraiá

A semana no trabalho se encerrou com uma festa junina, comidinhas, quadrilha e sorteio de prêmios.

 As assistentes sociais chiquinhas. 
Thalita e eu.


Meu par na quadrilha, Felipe.
"Nóis é pé quente porque os dois ganhô no sorteio"
Felipe ganhou um espremedor de frutas e eu um kit Natura com creme hidratante, creme para as mãos e sabonete líquido.

Tenham um ótimo final de semana.



sexta-feira, 21 de junho de 2013

E mais uma semana chega ao fim...

Fechando a semana com chave de ouro, hoje foi um dia tão bom. Tive que trocar meu horário de trabalho o que pra mim foi super positivo, trabalhei até às 14hs e vim pra casa feliz da vida. Outro motivo pra sorrir, amanhã, depois de anos, virá uma diarista pra me ajudar na faxina de casa e como eu tenho ciúmes de várias das minhas coisas, já dei jeito de limpar e organizar onde não quero que coloque a mão e, claro, as minhas Kokeshis e outras bonequinhas orientais, tão mostradas por aqui, fazem parte da lista do proibido.
Fotos com flash, afinal, estava bem escuro dentro de casa.

Paixão:


Essa é uma das minhas preferidas.


As vermelhas. 


De várias cores. 


 As lilases e a vermelhinha.


 As Mensageiras e a Kokeshi lilás.

As bonequinhas que balançam as cabecinhas quando recebem luz solar. 


A família Sayuri.

Pensei em escrever sobre a manifestação que alcançou todo o país, talvez até venha a falar sobre isso aqui depois, mas li tantas besteiras nas redes sociais que deu preguiça agora. Só uma coisa, sou a favor das manifestações para um país melhor.
Tenham um final de semana lindo.



sexta-feira, 14 de junho de 2013

Minha vida cheia de amor

A recepção quando chego do trabalho é a melhor e cheia de amor.
Meus au-aus estão no clima da festa junina.









No estilo.

Desejo um ótimo final de semana à todos.



quarta-feira, 12 de junho de 2013

Feliz dia ♥

Feliz dia para os namorados, os amantes, os amados, os casados e para quem simplesmente ama.




domingo, 9 de junho de 2013

Que delícia!

Uma pausa para o café da tarde, improvisar um cappuccino com chocolate ao leite, usando a caneca fofa que ganhei da amiga Déborah.

 Enquanto esquenta o leite.
O conjunto vem com a caneca, a colherzinha e o mini ralador.


 Comer mini cupcakes que filhota trouxe pra mim de um aniversário que ela foi na sexta à noite. Achei fofo e combinaram direitinho com a estampa da caneca.


E não tinha flores, daí coloquei a gaiolinha para um charminho.


A metade da delícia e do pecado. 
Será que eu gosto de bolo?

Uma linda semana à todos.


quinta-feira, 6 de junho de 2013

De mim para mim

Fiquei tanto tempo sem trabalhar que já tinha me esquecido em como era bom receber o salário no final do mês. Me senti feliz como uma criança que acabara de ganhar o brinquedo sonhado. 
Comprei poucas coisas, deixei reserva para pagar umas continhas, poupei outra parte para outro projeto e me dei um presente, a caneca de gatinho que estava apaixonada e que encontrei na minha loja preferida de artigos orientais, a Miraku.

Nem demorei para encontrá-la.
Atrás, minha tela de peixinhos que minha filha pintou com a ajuda de minha mãe quando era pequena.


 Estou pensando se será a primeira de uma coleção, já que vi três estampas diferentes.


Até a parte de trás é fofa.


E no trabalho, as mesas estão sendo enfeitadas. Clima de festa junina.



Não quero voltar a ser a consumista de como já fui, mas também não vou deixar de me mimar. Pensar em mim também faz um bem danado pra minha saúde.

Quando eu usar minha caneca de gatinho, faço outro post mostrando como eu arrumei a mesa.

Fui.



sábado, 1 de junho de 2013

Paz reunida

Quatro dias de folga do trabalho e mesmo assim está difícil cumprir tudo que eu havia planejado, o tempo está voando, mas boa parte da casa já foi limpa e arrumada.

E para começar junho com muita paz, nada melhor do que reunir todos os meus São Francisquinhos no mesmo cantinho.
Que este mês seja fantástico para mim e para você.

"Instrumento de vossa paz"
Cada santinho, uma história. Presentes do coração.

Quarta-feira teve um temporal aqui que destruiu parte da cidade, ficamos assustados, demoramos muito tempo para conseguir chegar em casa, mas tivemos somente um pequeno prejuízo material, graças a Deus estamos bem.
Se analisarmos a vida, temos sempre muito mais motivos para agradecer, não é mesmo?